Câmara Municipal de Engenheiro Coelho/SP

Vereadores de Engenheiro Coelho na “cola” da Rota das Bandeiras para evitar problemas na duplicação da SP/332

A reunião aconteceu no último dia 03/07/2019 na Câmara Municipal com a participação dos representantes da Rota das Bandeiras, presidente João Batista, vereadores, Walter Aparecido, Tonijeferson, Milton Rogério, Domingos Franco(Guinho), Gabriel Kenji e mun

Publicado em: 19 de julho de 2019

No último dia 03 de julho aconteceu na Câmara Municipal de Engenheiro Coelho, na sala de reuniões, atendendo pedido de vereadores e sitiantes do município, juntamente com o presidente da Câmara João Batista Nunes Machado (PV), o popular João da Padaria, reunião com os representantes da concessionária Rota das Bandeiras, Stephan Campineiro e Francisco Costa. Eles ouviram as reivindicações. Também esteve presente Leomar Ferreira Bastos, secretário de obras do município. Os vereadores Tonijeferson Rodrigues (PSD), o conhecido Tonega, Domingos Franco de Oliveira Neto, o Guinho (MDB), Milton Rogério de Oliveira Soares m(PR), conhecido como Caxeta, Gabriel Kenji Takaischi de Melo (PV) e Walter Aparecido Barbosa de Oliveira (PSD), o popular Cabeça, fizeram parte das discussões.

Na ocasião foram debatidos os fechamentos de algumas estradas que confrontam com a rodovia Zeferino Vaz (SP/332). E para que não aconteçam problemas com esses locais, por se tratarem de estradas antigas e que dão acesso a algumas propriedades, os edis querem garantias.

Outra discussão que foi destacada é a possibilidade de fazer passagens para máquinas agrícolas, tendo em vista que muitos sitiantes têm propriedades dos dois lados da Rodovia.

Os vereadores reivindicam essas melhorias porque tramita na Câmara o projeto de Lei Complementar Nº 19/2019 que "DISPOE SOBRE A PERMISSÃO DE USO A TÍTULO GRATUITO DE ÁREA PÚBLICA PELA CONCESSINÁRIA ROTA DAS BANDEIRAS S/A”.

Segundo os parlamentares, o não atendimento das reivindicações poderá prejudicar este projeto de concessão para a Rota das Bandeiras. Pois os vereadores prometem votar contra o projeto, porque não querem que os sitiantes do município sejam prejudicados.

A preocupação da Câmara Municipal é evitar o que aconteceu em Conchal, no trecho que liga Tujuguaba ao município conchalense, onde os sitiantes foram barbaramente prejudicados com a Rota das Bandeiras com a duplicação da rodovia.


Publicado por: Jornal Polêmica

Cadastre-se e receba notícias em seu email
Categoria: Informativo